De mãos dadas

Entender propósitos
Encontros
Situações e momentos
É tarefa impossível

Pessoas são trazidas
Pelo vento
Quanto mais elas aparecem
Mais me convenço

De que o surgimento delas
Não passa de uma lição
A cada perda um gosto amargo
A cada ganho uma conclusão

Mas eu queria
Que alguém passasse
Pra ficar
Pra me abraçar

Queria que alguém viesse
E me ensinasse
Me fizesse crescer
Sem soltar minha mão

Anúncios

4 comentários sobre “De mãos dadas

  1. “Mas eu queria
    Que alguém passasse
    Pra ficar
    Pra me abraçar”

    o mais engraçado é, você escreveu exatamente o que eu quero dizer.

  2. Ainda que uma ou várias mãos nos prendam e soltem com a rapidez de um susto, sempre vele a pena permanecer de dedos abertos para o que virá.

    Queira muito sempre, queira no presente e não no futuro do pretérito. O abraço é consequência do que a mente planta.

    Bjs

Os comentários estão desativados.