Neuroses

Me preocupo com as minhas neuroses mas acho que são poucos que encontram espaço para viver em paz. No mais remoto dos lugares, no mais profundo dos silêncios, a serenidade escapa. Sempre vai escapar.

A cabeça grita mais alto. Em São Paulo, a gente não consegue ouvir os berros do nosso próprio cérebro. Mas é melhor, cara. Quando a gente ouve, acaba ficando surdo. A cabeça da gente é um troço muito louco. Mas ela não me engana não, viu? Tem muito mundo dentro de mim. Eu sei que pra crescer tem que morrer cedo.

Anúncios