Culpa de quem?

Tô aqui pra dizer que é muito fácil
Apontar o dedo na minha cara
Falar que esse amor só teve falha
Me inundar de tristeza e culpa

Tô aqui pra dizer que é muito fácil
Esquecer seu próprio egoísmo
Jogar seus defeitos num abismo
E fechar a porta sem se despedir

Tô aqui pra dizer que é muito fácil
Não tentar melhorar
Não se importar
E disfarçar sua indecisão

Mas, também tô aqui pra dizer
Que tenho um valor muito grande
Que muitos reconhecem isso
E quem perdeu… foi você.

Pra que buscar recaída,
Reviver o drama
Mexer na ferida?
Por onde se engana o coração
Se encontra a saída pra vida
Tempo de ver que é maldade
Martelar as horas no chão da saudade
Embora agora contradição,
O tempo que pôs essa dor nessa conta
É quem desconta
Passa a te aponta o ponto de
Sorrir mais
Soltar gargalhadas
Deixar pra trás
O que te entristece
Tece teus ais
Rir mais
Soltar gargalhadas
Deixar pra trás
O que te entristece
Tece teus ais

Mais uma vez

Chega de colocar a culpa em mim
Fiz por você o que não fiz por ninguém
Dei o melhor dos abraços
Te enfeitei com mil laços

Agora, se não quer
Vou tentar aceitar
Outra pessoa enganar
Outro corpo aquecer

Não vou esperar
Mais um beijo
Mais um toque
Mais uma lamentação

Mais uma mentira
Mais um amor
Mais um medo
Mais um não.